Blog – Lucas Leão

Dicas

NET Digital HD, esclarecendo algumas dúvidas….(ATUALIZADO)

Este final de semana fui ao Shopping Maceió e vi um stand da NET lançando o Net Digital HD. Fiquei interessado no serviço e fui tirar algumas dúvidas com o vendedor da NET, mas o cara sabia muito pouco do que estava vendendo e portanto não soube responder as minhas perguntas:

  • Perguntei se os canais eram HD ou Full HD.

Ele me veio com um papo furado e com a maior pompa do mundo, dizendo que Full HD tinha a ver com conversor integrado e nada a ver com a “Matriz de Pixels”. Tentei Explicar a ele que existem televisores HD-READY , Full HD e em ambas as opções tinhamos conversor integrado ou não. Quando eu tentei explicar dizendo saber do que estava falando ele disse que em tom irônico que “Então o treinamento que eu recebi na NET está errado”. Respondi a ele que, infelizmente, sim e tentei simplificar as perguntas para ele afim de obter algumas respostas.

Pensei em perguntar a ele se alguma TV alí era FULL HD, mas imediatamente lembrei que ele não sabia o que era isto e então tentei perguntar algo baseado no que estava vendo.

  • Porque os canais TELECINE estavam com imagem de mais qualidade do que outros que aparecem com a sigla HD?

Lá veio ele com outra explicação técnica “Tabajara” de que dependia da qualidade de transmissão HD da emissora e uns transmitiam  um sinal inferior a outros superior, mas que tudo só podia ser HD (de novo a ladainha que Full HD era televisor com conversor digital integrado …).

Respirei fundo…. Pois neste dia eu estava muito paciente…. E tentei traduzir em algo útil o que ele me dizia…  E conclui que apenas alguns canais como os Telecines HD e SportTV são FULL HD enquanto a grande maioria das transmissões de alta definição são somente  HD.

Concluí errado, pois após emails recebidos liguei para NET para esclarecer a dúvida com alguém que realmente conseguisse fazê-lo e recebi a informação de que não existem canais Full HD no Brasil. Talvez a qualidade do link ou dos equipamentos de alguns canais permita uma imagem melhor. Além disso é claro que a qualidade da produção tem de ser levada em consideração(Jamais poderíamos ter  imagens de qualidade produzidas em equipamentos sem qualidade ). Um canal HD de documentário, por exemplo pode tentar melhor digitalmente um gravação sem qualidade, o que gerará uma imagem HD sem qualidade.

Deixa eu explicar agora o que realmente acontece. Espero que ele leia este post para ver se aprende alguma coisa e deixa de ironizar os clientes que parecem saber mais do que ele.

TV DIGITAL no Brasil

Em Janeiro de 2009, o grupo de trabalho Brasil-Japão para TV digital finalizou e publicou uma documentação harmonizando as especificações dos padrões ISDB-T puro e SBTVD, resultando numa especificação chamada agora de “ISDB-T Internacional”. É esse padrão de TV digital que será proposto por Japão e Brasil para os demais países latino-americanos e para quaisquer outro país interessado em implantar TV digital.

O padrão SBTVD oferece:

  • Imagens de alta qualidade e alta definição, com o máximo de 1920 x 1080 pontos, imagem entrelaçada;
  • Áudio de alta qualidade com sistema 5.1;
  • Recepção de TV em receptores móveis (em veículos) em Full HD e em receptores portáteis (aparelhos celulares, adaptadores para notebook, etc) nas resoluções SQVGA/QVGA/CIF;
  • Ótimo tratamento contra interferências, imagens sem chuviscos e sem distorção;
  • Interatividade, ou seja, o telespectador poderá interagir com o programa de televisão através do controle remoto, usando aplicações como acesso a bancos, compras, votação em programas, programação do dia, etc);
  • Multiprogramação, ou seja, um mesmo canal pode apresentar 1 programa em Full HD; 2 em HD; ou 1 em HD e 2 em SD (standard definition). Ex: Num mesmo canal pode-se ver 3 programações diferentes, ou então numa partida esportiva é possível ver um lance pelo ponto de vista de 3 câmeras diferentes. A “multiprogramação” foi prevista no decreto presidencial que instituiu o SBTVD, porém o Ministério das Comunicações brasileiro vetou o uso dessa característica, em parte por temer alocações indevidas de programação e em parte pela pressão da Rede Globo que teria seu modelo de negócio impactado com a multiprogramação. O Ministério das Comunicações só liberou multiprogramação para os canais do governo e diz estar estudando melhor o assunto.

HD, HD READY e FULL HD

HD é Hi-Definiton, ou seja, alta resolução. Entre essas Tvs com padrão HDTV existem as de HD Ready e a Full HD. A grande diferença entre as duas é que a resolução da HD ready chega a no máximo 1366 x 768 (720p) e a da Full HD a 1920 x 1080 (1080p).

As Tvs de HD Ready já são bem mais baratas, mas não conseguem alcançar a qualidade das Full HD. Para aproveitá-las melhor existem acessórios, como a entrada pra cabo HDMI, que já vêm em aparelhos de Blu Ray, Dvds mais novos, playstation3 e etc, que melhoram consideravelmente a imagem da TV HD ,  pois eles transmitem sinais digitais de vídeo e áudio de altíssima qualidade.

A resolução de um sinal de TV varia de acordo com o formato ou padrão utilizado.

  • No padrão NTSC são 440 × 486 linhas, mantendo a proporção 4:3 entre colunas e linhas.
  • No DVD são utilizados 720 x 480 (NTSC), portanto na maioria das vezes ao ver um DVD em uma TV de tubo comum (CRT) temos o efeito de downscale que é o escalonamento do sinal.
  • Quando assistimos um DVD em uma TV de LCD ou Plasma de alta resolução temos o efeito inverso, chamado de Upscale já que as TVs HD-READY usam 1366 x 768 (conhecido como 720p) e as FULL-HD usam 1920 x 1080 (ou 1080p) . Ambas em permitem a proporção 16:9 widescreen, desde que o sinal recebido seja compatível, senão vocẽ ficará com aquela impressão de que está todo mundo mais largo, já que a tv estica(UPSCALE) o sinal 4:3 para 16:9.

Os Números

Para traduzir a capacidade e função de um DVD Upscale, vamos mostrar aos números. Confira na tabela abaixo as diferenças entre um DVD comum, um DVD Upscale e um player Blu-ray.

Estes números querem dizer o seguinte: no caso dos Blu-rays, temos 1080 linhas na vertical e 1920 na horizontal, desta forma a imagem é muito mais completa ou “cheia”. Pense em um tecido. Quanto mais fios o compõem, mais resistente ele será. É o caso das imagens e suas respectivas resoluções.

Portanto para se ter uma experiência em FULL-HD é preciso uma TV com display 1920 x 1080 (ou 1080p) e uma fonte de sinal também nessa resolução, como um HD-DVD, BLU-RAY  ou um receptor de TV a cabo ambos no padrão 1080p, além de cabeamento adequado HDMI entre o equipamento e a TV.

CONVERSOR DIGITAL

Vamos agora ao grande problema do vendedor. Para assistir à TV digital, aberta, em UHF e gratuita o telespectador precisa de ter um conversor digital (set-top box), que nada mais é do que um equipamento que recebe a faixa de frequência do SBTVD  ou uma TV já adaptada com este equipamento integrado nela e uma antena UHF.

No caso de quem usará a NET DIGITAL HD(nos canais compatíveis) o conversor digital não é necessário, pois o equipamento faz a leitura da TV a cabo a já transmite em HDMI para a TV em HDTV e fazendo UPSCALE para os canais não HD, uma vez que só existem canais HD.

1080P vs 1080i (Ítem Atualizado Pós Comentários)

Uma é 1080i (1080 linhas interlaçadas) e outra é 1080p (1080 linhas progressivas), que fornecem uma imagem melhor. A 1080i talvez seja até pior do que 720p por ser interlaçada.  Só teremos 1080p  com Blu-Ray ou Playstation.

1080p – o que equivale a 1920 x 1080 pixels – é o mais novo Santo Graal HD. Isso porque os monitores 1080p são, teoricamente capazes de exibir todos os pixels de maior resolução transmissões HD. Na prática eles devem oferecer mais do que o dobro da resolução de hoje, 1280 X720, ou 720p, HDTVs. Algumas empresas, como a LG, se referem a essas resoluções como ultra-HD.

1080i é um nome resumido para um formato de vídeo. O número 1080 significa 1080 linhas de resolução vertical, enquanto a letra i significa interpolado ou varredura não progressiva. 1080i pode ser considerado como um modo de vídeo HDTV. O termo geralmente assume uma relação de altura e largura de 16:9 (widescreen), indicando uma resolução horizontal de 1920 pixels e um quadro de 1920 × 1080 ou aproximadamente 2,07 milhões de pixels, e um campo de resolução de 1920 × 1080 / 2 (isto porque é interpolado) ou aproximadamente 1,04 milhão de pixels. A freqüência em hertz pode ser decorrente do contexto ou especificado após a letra i. As duas freqüências mais comumente usadas são 25 and 30 Hz, com o formato (1080i25) geralmente sendo usado em países que utilizam o formato PAL e SECAM (Europa, Austrália, grande parte da Ásia, África), mais recentemente (1080i30) em países do formato NTSC (e.g. Estados Unidos da América, Canadá e Japão). Independente das variantes, pode ser transportada para maior parte dos formatos de TV digital, ATS Cand DVB.
1080i é diretamente compatível com HDTVs CRT. HDTV CRT nunca entrou no mercado em grande escala. 1080i é compatível com as novas televisões 720p- e 1080p, mas deve ser de interpolada primeiro para ser mostrada nestas formas.

Por causa da revisão do formato NTSC quando cores se tornaram disponíveis, o field rate dos atuais broadcasts 1080i são geralmente 0,1% mais lento que o sugerido. Por exemplo, uma transmissão de 1080i30 ou “30 Hz” atualmente mostra cerca de 29.97 campos por segundo. Respectivamente as linhas de freqüência 24/30/60 e 23.976/29.97/59.94 são suportadas pelos padrões atuais.

RESUMINDO NET DIGITAL HD e EXPLICANDO PARA QUEM NÃO TIVER PACIÊNCIA COM O VENDEDOR

  • Você precisa, é claro , ter uma TV de LCD ou Plasma, para valer a pena
  • O Receptor tem saída HDMI compatível com 1080i
  • As transmissões são, de acordo com o atendente do 0800, da net apenas HD
  • Recebe tanto os canais HD quanto os canais comuns, sendo que para os comuns fará UPSCALE(Esticará) na imagem
  • Não Existem Canais FULL-HD, todos são HD
  • A Globo HD só será transmitida em Maceió quando a TV GAZETA liberar o sinal digital(A copa 2010 pela Rede globo em HD já era. Resta o SporTV)

13 thoughts on “NET Digital HD, esclarecendo algumas dúvidas….(ATUALIZADO)

  1. Lucas Schappo

    Desculpe amigo, mas você está completamente errado quando fala que telecine HD e sportv HD (na verdade Globosat HD) possuem imagens melhores do que os demais canais HD e por isso esses canais são full hd e os demais apenas hd. Na verdade todos os canais da NET HD são transmitidos em 1080i, não existe nenhum tipo de transmissão full hd (1080p) no mundo. O “i” é de entrelaçado e o “p” é de progressivo. Ou seja, todos os canais da NET HD são transmitidos em alta definição no padrão 1080i. O que diferencia a imagem de um canal para o outro é a qualidade em que foi gravado o programa, a configuração da TV e suas características além da taxa de transmissão da própria NET. Existem programas na Fox HD ou Multishow HD que são muito melhores que vários filmes do telecine HD e vice versa…

  2. Lucas Leao Autor

    Bem é bem pior do que imaginei, após este comentário, liguei para a NET, pedi para falar com alguém que soubesse explicar. Após alguns minutos um atendente que parecia saber do que estava falando me confirmou que não há transmissão FULL-HD em nenhum canal. Assim quem tem TV full HD, tem de usar para playstation ou blu-ray. as transmissões são Apenas HDTV

  3. André Duarte

    Parabéns, isso é tipico de quem usa/trabalha com linux. Ter uma mente questionadora é um privilégio.

  4. Rogério

    Gostei muito do artigo e também gostei muito dos
    comentários. Parabéns. Na verdade cheguei a este artigo pelo
    google, buscando informações de como obter a melhor qualidade de
    imagem em minha nova aquisição, uma TV LCD SAMSUNG 32″ FULL HD com
    conversor digital integrado, visto que atualmente tenho a NET comum
    em minha residência aqui em São Paulo. Se alguém puder me orientar
    o que preciso fazer para obter essa melhor qualidade ficarei muito
    grato mesmo, visto que é grande a variedade de itens a serem
    levados em conta. Obrigado.

  5. Giovanni

    Lucas, e quanto à esses receptores/decodificadores para liberar todos os canais HD da Net?
    Funcionam mesmo? Existe algum pré-requisito além de possuir o cabo da Net?

  6. Marcio

    Excelente o artigo, tirou várias das minhas dúvidas! Assim como o Rogério, parei aqui ao procurar informações para a minha nova aquisição, uma tv Sony fullhd!

  7. Daniel Ramos

    Interessante, parabens pelo post, muito bem explicado, mais ainda tenho meras duvidas, eu enho uma philips 40polegadas fullHD, a resolução no decoder da net eu deixo 1080i ou 720p, resta-me duvidas ai…

  8. Lucas Leao Autor

    Cara dá uma olhada neste Link acho que tá bem explicado lá….

    Se restar alguma dúvida me avisa…. Mas de fato testa as duas opções e vê qual a que se agrada mais….

  9. Gamer

    Bom dia Lucas! Realmente, vendedores e técnicos, na maioria das vezes, não sabem o que dizem. Muito bom seu artigo, porém você explicou o upscale de maneira errada. Não tem a ver com o redimensionamento de imagem, que a deixa distorcida e é horrível. É quando o DVD ou BD player aumenta a resolução da fonte para ficar com aparência mais agradável em uma tela grande, parecendo que está em uma resolução maior. É como o aguçamento de imagem dos editores de fotos, só que feito nos frames do vídeo.

  10. Aristides

    Se vc. passar um filme em VHS numa Tv FULL HD ele vai ficar horrivel.A resolução maxima da tv só é alcançada quando a transmissão tem qualidade.Se a transmissão for ruim não tem tv full hd que de jeito….

  11. gilberto

    nao cheguei a ler tudo mais o cara tem razao os tecnico pelo visto so sabem passar fio e ligar o cabo de vidio composto que e mais fasil porem nao filtra bem os sinais ,se falar pra eles din pra video componente nem sabe oque e isso se for pergunta se trasmite em hd cada um respode de uma manera normalmente dis que e so digital mas pelo menos do sinal nao tenho nada a reclamar aqui en floripa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*